Seja bem vindos ao meu blog! :)
RSS

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

"O Grande Gatsby"

Fotografia de Vierinha..Titulo ( Caixa de Música)

Acabo de ler Francis Scott Fitzgeral, e me sentiria muito passiva se nada comentasse a respeito, obra em que os personagens são em sua maioria vazios ,cheios de si e cada vez com menos do outro, o livro encerra com a frase: " E assim prosseguimos, botes contra a corrente, impelidos incessantemente para o passado", me pergunto sem esperanças de resposta, Quando teve início a mais cruel solidão humana? Sim, você pode me responder que desde o principio , mas não sinto isso, sei que o homem primitivo se encontrava só por não saber como se comunicar, e ainda assim os que sobriviveram daquela época, foram aqueles que aprenderam a se comunicar mais rápido, e hoje a situação entra em um regresso, o homem está cada vem mais centrado em seu umbigo, temos a globalização e uma série de coisas que definem o homem como o ser social, mas temos nisso um subterfúgio, uma artificialidade, pois o homem ao passo que é considerado social, está cada vez mais sozinho, e não falo a solidão necessária a todos, mas a desnecessária e prejudicial, o interesse pelo outro é quase inexistente, parafraseando Cazuza " Amor de verdade só se for a dois", meus olhos estão úmidos e ainda assim não encontei respostas, e o pior não encontrei ninguêm com real interesse de enchuga-lôs.

7 comentários:

Alexandre Grecco disse...

A maior solidão é do não amar. Ou talvez a de Rilke, que de tão só escreveu "Elegias a Duíno", um livro de poemas supostamente recitadas pelo vento, ou quem sabe a solidão de Rimbaud, quando esteve e pra sempre esteve na Abissínia. Ambos solitários, ambos impelidos de amar...

Cami's disse...

Pra mim, homem é bicho do homem !!! O que quer dizer ??? Que a cada dia que passa TE AMO vira um simples BOM DIA!!! Difícil de encontrar verdades ... O amor a cada dia que passa se esfria nos corações !!! Idealista aquele que ainda acha que o mundo pode melhorar !! O amor existe, a coisa mais extinta no tempo de hoje! Mas existe!
O ser humano a cada dia que passa fica mais e mais egoísta , por isso que só tem olhos pra seu umbigo !!!
Mas não me preocupo... Porque o que importa mesmo, é saber de minhas ações... Meus defeitos e minhas qualidades !!! Olhar pra mim, e fazer diferente !!!! Entende ??? Não importa o que fazem... Ninguém pode viver por mim, e nem eu por eles... Então... Que eu seja o melhor que eu posso ser !!! \o/

Cami's disse...

Espero que vc esteja bem!!!
Saudades de vc linda !!
Beijssssssssssssssssssssssss

RivaEscrita disse...

Se pelo menos, o ser humano, em sua solidão, soubesse conviver em paz consigo mesmo. Mas, êle não consegue se encontrar, não consegue encontrar o próximo e pior de tudo, ainda atrapalha a quem se procura. Parabéns pelo texto límpido e sensato. Felicidades.

bruna disse...

tem crtz q eu ñ ando por esse seu mundo celebrity ?? fora dos seus sonhos tb tenho vida querida!
vc me permitiu adentrar sem pedir licença .. então... como me questionas se te leio ?!?
ser inocente....rs!!!
ser amado!!
Bruna

O Profeta disse...

A terra dorme em sobressalto
Um grito brota da alma
Danço com esta bruma de Inverno
Rodopia em meu peito uma estranha calma

Águas despertas, Mar bravio
Cai sobre mim um nevoeiro perverso
Uma onda estende seu manto de espuma
Açoita as pedras adiando o regresso


Boa semana


Mágico beijo

Zigiefrid ou Rubéns disse...

Que dizer das palavras quando um simples gesto pode quebrá-las na dilacerante caminhada que é a vida. Cada vez mais me pergunto sobre essa desnecessária solidão a que nós nos propuzemos e, não. Não quero me render a ela. Recuso-me a deixar as pessoas que amo e a ser passivo na vida como que só se deixa levar pelas coisas ou como um barco sem vela. Quero mais é abraços e carinhos e beijinhos e sair de mãos dadas e rir das coisas fúteis que eu por ventura falo. Quero a beleza que há no 'olhar o outro' e no sentir cada momento com a intensidade de um furacão.

Saudades.
Ao teu lado, se precisares.